16 de set de 2013

"Ninguém pode prever o quanto você pode voar,
nem mesmo você...
...até que tenha aberto suas asas."

6 de set de 2013

“Mas não tenho mais tanta pressa. 
Comecei a aprender a ser mais gentil com o meu passo. 
Afinal, não há lugar algum para chegar além de mim.
Eu sou a viajante e a viagem.”

∴ Ana Jácomo
 

24 de jul de 2013


O que existe além do que já foi dito sobre o amor?

Toda minha vida é pautada em amores que tive ou gostaria de ter.
Falando sobre os que tive, também não tenho muito que dizer.
Amei e fui muito bem amada.
Mas foi um amor, um único amor, que veio cruzou minha vida, 

tocou minha alma e ficou marcado em minha pele.

Todos nós carregamos conosco uma história.
Não importam os anos, certas coisas simplesmente permanecem.
Não é doença nem obsessão. Aliás não é nada, só amor. Amor dos bons, daqueles que são únicos e maravilhosos, que acontecem poucas vezes na vida das pessoas. Daqueles amores que ficam e que teremos que conviver com ele como algo concreto e parte de nossas vidas.

Que alma consegue atravessar a vida sem ter conhecido o amor e quem sabe, 

ter a sorte de ser correspondido?
Que vida vale a pena sem amor?
Nenhum sentimento é mais lindo profundo e transformador que o amor.
Só amor transcende e purifica, enlouquece e cura, invade e permanece, liberta e aprisiona.
Quando acontece é um som grave que penetra, invade e permanece.

Não compliquem e nem elaborem o sentimento mais incrível e poderoso de todos. 

Permitam que ele chegue e se instale.

Porque o resto são bobagens... bobagens!


Carolina Ferraz

19 de abr de 2013


❝Dos relacionamentos que vc já teve, quais foram as ocasiões em que verdadeiramente você foi modificado para melhor?
Será que você é a lembrança doida na vida de alguém? Será que vc já construiu cativeiros? Ou será que já viveu em algum?
Será que já idealizou demais as situações, as pessoas, e por isso perdeu a oportunidade de encontrar situações e as pessoas certas?
Sejam quais forem as respostas, não tenha medo delas.
Perguntar-se é uma maneira interessante de se descobrir como pessoa, pois as perguntas são pontes que nos favorecem travessias.❞

∴ Padre Fábio de Melo

20 de fev de 2013

“Já não tenho tempo para lidar com mediocridades. Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflados. Não tolero gabolices. Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram, cobiçando seus lugares, talentos e sorte. Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas que, apesar da idade cronológica, são imaturas.
Lembrei-me agora de Mário de Andrade que afirmou: ‘As pessoas não debatem conteúdos, apenas os rótulos'. Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos, quero a essência, minha alma tem pressa!

Sem muitas jabuticabas na bacia, quero viver ao lado de gente humana, muito humana; que sabe rir de seus tropeços, não se encanta com triunfos, não se considera eleita antes da hora, não foge de sua mortalidade, defende a dignidade dos marginalizados, e deseja tão somente andar ao lado do que é justo.

Caminhar perto de coisas e pessoas de verdade, desfrutar desse amor absolutamente sem fraudes, nunca será perda de tempo.
O essencial faz a vida valer a pena.”

∴ Rubem Alves

18 de fev de 2013

“Somos donos de nossos atos, mas não donos de nossos sentimentos; somos culpados pelo que fazemos, mas não somos culpados pelo que sentimos; podemos prometer atos, mas não podemos prometer sentimentos…
Atos são pássaros engaiolados, sentimentos são pássaros em voo.”

∴ Mário Quintana
 
“Que adianta falar de motivos?
Às vezes basta só um, às vezes nem juntando todos.”

∴ José Saramago

17 de fev de 2013


Depois de um longo tempo distante do blog, resolvi reativá-lo.
Aqui será o cantinho onde pretendo organizar
as postagens das minhas duas páginas:
Depois das Tempestades / Brisa e Sinestesia!
 
Sejam bem vindos novamente! =)


Depois de todas tempestades e naufrágios,
o que fica em mim
é cada vez mais essencial e verdadeiro!” 

(Caio F. Abreu)